R. Philipp Bauller, 420 - Testo Salto, Blumenau - SC, CEP 89074-300
  • Central de Atendimento
  • (47) 3327-7192
  • (47) 3306-3945

Central de alarme de incêndio: Por que usá-la em seu hotel?

Prevenir incêndios é tão importante quanto saber apagá-los! Identificar incêndios ou outros acidentes de menor proporção logo no início pode deixar de transformar o perigo em tragédia.

Se evitados e controlados com segurança e tranquilidade, com certeza seu hotel, hóspedes e funcionários agradeceriam muito!

Segundo o Corpo de Bombeiros, o mais correto é que todos os trabalhadores da empresa coloquem em prática as normas estabelecidas quanto aos cuidados preventivos e o comportamento diante de acidentes! 

Promover exercícios de prática, por meio da simulação de incêndios é uma ótima ideia!

Mas obviamente, para se efetuar essa operação, um fator indispensável é a necessidade de possuir equipamentos em estado de uso perfeito e destinados para o combate de incêndios. 

Atentando-se claramente para as condições de segurança estabelecidas por lei! 

É obrigatório que se possua extintores de incêndios, hidrantes, mangueiras, registros, chuveiros automáticos (os sprinklers) e escadas com corrimão. 

O Corpo de Bombeiros recomenda também o uso de placas de sinalização fotoluminescentes com o intuito de evitar a falta de informação na hora do pânico.

 

Por que utilizar uma central de incêndio?

O principal benefício da utilização dos equipamentos de uma central de alarme de incêndio é ter a chance de detectar o acidente logo no início e evitar que tome proporções danosas ou até mesmo catastróficas. 

Reduzir a exposição de pessoas a estes riscos, e amenizar danos ao seu hotel é apenas uma parte do que a central de alarme de incêndio pode fazer.

São diversos os tipos de equipamentos destinados à prevenção de incêndios. Aqui vai a lista de alguns deles, que são indispensáveis para seu hotel.

 

Detector de fumaça

Dispara um alarme ao detectar indícios de fumaça! O menor princípio de fumaça ativa o detector

O aparelho também envia uma mensagem sobre a ocorrência diretamente para a central de alarme de incêndio. Reduza as chances de alarme falso comprando um Detector de fumaça que seu IP seja no mínimo IP 60, para que não seja ativado por poeira.

 

Detector de temperatura

Dispara um alarme caso a temperatura do ambiente atinja a temperatura máxima configurada previamente. 

Ao detectar esse calor, os detectores de temperatura avisam a central de alarme de incêndio imediatamente da ocorrência.

 

Acionador manual

Tenho certeza de que você já viu um, com o vidro “quebre em caso de emergência”. Precisam ficar disponíveis e visíveis para que qualquer pessoa que perceba o princípio de incêndio possa acionar manualmente. 

Também emite comunicado para a central de alarme de incêndio.

 

Sinalizador áudio visual

Este equipamento dispara quando a central de alarme de incêndio recebe o aviso de possível incêndio por outro tipo de dispositivo. 

Emite um sinal visual e sonoro, por isso o nome ser assim, indicando a todas as pessoas a situação de alerta. É muito característico de filmes. A lâmpada vermelha e o barulho forte.

 

Central de alarme de incêndio

Por último, mas não menos importante. É o cérebro da operação e deve ser configurada por uma pessoa qualificada. Dispositivos são conectados à central que, por sua vez, monitora todo o sistema e recebe informações dos dispositivos.

Veja também, nosso outro artigo, que fala O que não pode faltar em um sistema de alarme de incêndio

Caso os dispositivos detectem sinal de incêndio, a central fica responsável por enviar os comandos que ativarão as sirenes de alarme de incêndio.

 

Conclusão

Agora que você sabe o que é a central de alarme de incêndio e conhece os principais dispositivos de alarme para incêndio, tenho certeza de que fará questão de colocar em seu hotel!