R. Philipp Bauller, 420 - Testo Salto, Blumenau - SC, CEP 89074-300
  • Central de Atendimento
  • (47) 3327-7192
  • (47) 3306-3945
25 de dezembro de 2019

Iluminação de Emergência: como escolher o modelo das luminárias

 

A iluminação de emergência é um item obrigatório em qualquer espaço público, condomínios e prédios.  Devido às inúmeras exigências técnicas variações de modelos, preparamos essa matéria para te ajudar na hora da escolha delas. Confira:

Ninguém quer ser pego desprevenido em algum sinistro, ocorrência de pane elétrica ou incêndio, não é? E para evitar acidentes graves que ponham em risco a vida das pessoas que frequentam esses espaços é importante ter cuidado.

Mas, quais modelos escolher? Quais os materiais se adequam às novas normas  técnicas exigidas pelos órgãos de fiscalização? É o que você irá descobrir agora!

Importância da iluminação de emergência

Em casos de emergências, as dependências do prédio ou espaço devem ser evacuadas imediatamente. Mas, como todos já devem saber, durante as ocorrências do sinistro a visibilidade é dificultada.

Seja por conta da fumaça produzida pelo incêndio, seja pela ausência de energia elétrica devido a pane. O fato é que durante a ocorrência de um acidente ou problema nas dependências, as pessoas precisam de orientação.

As luzes indicam o lugar para que as pessoas possam evacuar o espaço seguindo a ordem, mantendo a organização e evitando acidentes ainda mais graves.

Entenda melhor sobre a importância da iluminação de emergência

Formato

A iluminação de emergência deve ser utilizada independente das cores, do formato e da iluminação natural do espaço. Sendo obrigatórias conforme conta na NBR de Nº 10898.

A Associação Brasileira de Normas Técnicas prevê que as luzes de emergências sejam instaladas junto com placas e indicação de saída de emergência. Assim, o formato das luzes pode ser diversificado de acordo com cada espaço e o risco de acidentes.

Veja: O que não pode faltar em um sistema de alarme de incêndio

Busque sempre uma loja especializada em prevenção de acidentes para realizar a instalação da Iluminação de emergência. Além do cumprimento das normas e do alvará de funcionamento, você está protegendo a vida das pessoas.

Autonomia de energia

A melhor escolha para uma iluminação de emergência deve levar em consideração o tempo que as lâmpadas permanecem acesas. Segundo as normas técnicas, o sistema de sinalização de emergência deve ter autonomia suficiente para garantir que todos saiam em segurança.

Por isso, é muito importante conhecer as especificações e o tempo de autonomia de cada uma delas. Não se deixe enganar por luminárias que oferecem muito brilho e pouca autonomia, além da multa você pode pôr em risco a vida das pessoas.

Busque sempre uma loja com referências e que conheça bem o material que você precisa, garantindo sua segurança. Não deixe de conferir as letrinhas menores do rodapé, a vida das pessoas pode depender disso.

Preço

Outro fator importante na hora de escolher a sua iluminação de emergência é o preço. Se engana quem pensa que o barato é realmente o mais vantajoso, muitas vezes o barato pode sair caro.

E no caso de uma eventual ocorrência, o preço pode ser a integridade de alguém. Por isso, é importante fugir das promoções malucas das feiras livres e lugares que vendem produtos sem qualidade.

Um modelo para luminária de emergência respeita as normas técnicas, e claro que deve ter excelente custo benefício. Procure as referências dos produtos e não dispense a confiança dos itens de segurança do seu espaço.

Durabilidade

Muitos produtos chineses hoje tem qualidade, mas, se você quer investir bem o seu dinheiro, evite os produtos made in China de segunda linha, eles não oferecem a durabilidade que você precisa.

A durabilidade da iluminação de emergência é um item que vale mesmo a pena considerar. Até porque a gente não imagina que vá precisar desse equipamento até que sejamos pegos desprevenidos.

Uma boa luminária deve durar por bastante tempo, até porque elas não costumam ser muito utilizadas, então precisam estar prontas para executarem bem sua função. Observe bem a durabilidade que o fabricante estipula para o produto e evite dores de cabeça.

Facilidade de instalação

Por último e não menos importante, é necessário observar a facilidade de instalação da iluminação de emergência. Uma dica importante é fujir dos circuitos muito complicados para as luminárias autônomas.

Hoje em dia existem equipamentos que operam com independência e que acendem sempre que o sistema elétrico cai ou quando a visibilidade do espaço está comprometida.

Vale a pena dar uma conferida na forma de acionamento das luminárias de acordo com a necessidade do seu espaço.

Escolher uma loja com boas referências, que conheça bem as normas técnicas e possa te dar um suporte técnico de confiança é essencial.

 A Manuthek é uma empresa que trabalha com sistemas de prevenção de incêndios. Nossa equipe conta com especialistas em venda, instalação e manutenção de luminárias de emergência Luxpryme, uma marca nacional que garante autonomia, preço e durabilidade. Tudo para você deixar o seu ambiente mais seguro e em conformidade com os requisitos técnicos.

Acesse o link ou entre em contato pelo telefone e diga o que você precisa, nossos consultores terão prazer em te atender. 😉

25 de dezembro de 2019